Última atualização em .

Unra...

A volatilidade tomou conta dos mercados financeiros, estimulando uma venda de ações em meio à preocupação de que um aumento nos casos globais de coronavírus pudesse prejudicar a recuperação econômica. Os investidores também estão nervosos antes do segundo turno das eleições de terça-feira na Geórgia, que determinará se os democratas têm o controle do Congresso para empurrar a agenda do presidente eleito Joe Biden.

Mercado de ações registraram queda que derrubou os principais benchmarks dos EUA em mais de 2% na segunda-feira, o S&P 500 sofreu sua pior queda em um ano desde 2016. As gigantes Apple Inc. e Amazon.com Inc. afundaram pelo menos 2,1%, a queda da Boeing Co. pesou no Dow Jones Industrial Average após um rebaixamento de um analista e a Tesla Inc. subiu depois de chegar perto de cumprir sua meta de entregas de veículos. O Cboe Volatility Index - um indicador das oscilações de preço esperadas para o S&P 500, conhecido como VIX - apresentou o maior aumento desde outubro.

As infecções globais por coronavírus atingiram 85 milhões, com o primeiro-ministro Boris Johnson impondo um terceiro bloqueio na Inglaterra. No Japão, está sendo considerado outro estado de emergência para a área de Tóquio. Os casos diários nos EUA dispararam para um recorde de quase 300.000 após o feriado de Ano Novo, e uma variante mais fácil de espalhar detectada pela primeira vez na semana passada pode intensificar o aumento. Enquanto isso, o drama político de 2020 também está sangrando na primeira semana de 2021 - com uma eleição crucial na Geórgia, promessas de protestos nas ruas e a luta prolongada do presidente Donald Trump sobre a votação de novembro que ameaça destruir o Partido Republicano.

Aqui no Brasil, o índice Bovespa fechou em queda de 0,14% em 118.854 pontos mas logo no início do pregão subiu forte e bateu máxima histórica chegando aos 120.373 pontos, realizando esses expressivos lucros logo em seguida. Os destaques foram para Ambev (ABEV3) -1,09%, Itaú (ITUB4) -2,26%, Bradesco (BBDC3) -2,48%, Petrobrás ON (PETR3) +2,25% e Petrobrás PN (PETR4) +2,01%.

Pingbacks

Pingbacks estão abertas.

Trackbacks

Trackback URL

Comentários

Ainda não há comentários.

Publique seu comentário